Custo de produção de milho em MT tem aumento

Compartilhar

Custo de produção para safra 2021/2022 de milho em Mato Grosso avança 12,05%.

Câmbio valorizado, que impacta nos preços dos insumos é o principal fator.

O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) divulgou a primeira estimativa do custo de produção do milho de alta tecnologia da safra 2021/22 em Mato Grosso.

De acordo com o instituto, observou-se que o dólar valorizado e a compra antecipada de insumos pelo produtor, em relação aos últimos anos, impulsionaram os preços de fertilizantes e corretivos (+8,89%), semente de alta tecnologia (+6,50%), e defensivos agrícolas (+4,85%).

Além disso, destaca o Imea, há também o incremento do custo com arrendamento, justificado pela valorização da saca de soja, uma vez que a oleaginosa é a principal forma de pagamento por parte do produtor arrendatário.

Diante deste quadro, o custeio do milho em Mato Grosso registra, até o momento, alta de 12,05% na comparação com o ciclo anterior.

FONTE: DATAGRO.


Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: