Ociosidade dos frigoríficos aumenta em Mato Grosso

Compartilhar

Oferta restrita de animais terminados para abate, bem como consumo interno retraído e exportações abaixo do esperado são os principais fatores.

A utilização frigorífica no mês de janeiro em Mato Grosso ficou em 45,03%, menor patamar observado desde maio de 18, aponta balanço do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

De acordo com o instituto, a expectativa é que este cenário de baixa utilização prossiga, devido à oferta restrita de animais terminados para abate no estado, consumo no mercado interno ainda retraído e as exportações abaixo do esperado na comparação com igual período de 2020.

FONTE: DATAGRO.


Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: