Cenário de preços firmes no mercado de reposição

Compartilhar

Mercado de reposição firme e alta de preços em janeiro de 2016.

Os recentes aumentos no preço da arroba do boi gordo e a melhora gradativa das pastagens são os principais fatores que colaboram para o cenário de preços firmes no mercado de reposição.

Assim, aos poucos, os compradores começam a dar movimento ao mercado, apesar da cautela devido aos fortes reajustes de preços observados no último ano.

Na média de todos os estados pesquisados pela Scot Consultoria desde o início de 2016, o preço da arroba do boi gordo subiu 1,0%, o que colaborou para o cenário de maior procura pelas categorias mais eradas.

Nos últimos sete dias, na média dos machos anelorados, as altas foram de 0,3% para o boi magro (12@), 0,2% para o garrote (9,5@) e 0,1% para o bezerro desmamado (6@).

Em São Paulo, na última semana, o boi magro subiu 0,5%. Atualmente a categoria (12@) está cotada em R$2,20 mil por cabeça.

Na média de janeiro, até o dia 13, foram necessárias 13,4 arrobas de boi gordo para a compra de uma cabeça da categoria, uma das piores relações de compra da série que se inicia em 1996.

Na comparação com mesmo período do ano passado, são necessárias 10,0% mais arrobas de boi gordo para a compra do boi magro.

Fonte: Scot Consultoria.


Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: