Abiec quer ampliar venda de carne à Hong Kong

Compartilhar

Uma delegação da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec) seguirá nesta sexta-feira, 3, para Hong Kong, principal destino de carne bovina in natura e miúdos do País. A ideia da entidade é estreitar o relacionamento com empresários e autoridades do setor a fim de ampliar o espaço já conquistado.

 

De janeiro a março de 2013, o Brasil exportou 323 mil toneladas de carne bovina ou US$ 1,45 bilhão, das quais 80,8 mil toneladas (25% do total) ou US$ 317,6 milhões (22% do total) foram para Hong Kong. Nos últimos dez anos, as exportações do Brasil para Hong Kong tiveram aumento de 346% em volume e 1.205% em faturamento. ‘A demanda é crescente e já há também uma mudança de hábitos de consumo que favorece a carne bovina brasileira’, explicou o presidente da Abiec, Antonio Camardelli, em nota.

Em entrevista recente, o diretor executivo da entidade afirmou que especificamente no primeiro trimestre as vendas para Hong Kong tiveram um aumento expressivo. A China, que tem representatividade de cerca de 2% nas exportações totais nacionais, suspendeu as importações do produto brasileiro por conta do evento priônico em uma vaca que morreu no Paraná. Coincidentemente, Hong Kong aumentou as compras no período.

A delegação seguirá para Xangai para participar da feira de alimentos SIAL China e, nos dias 8 e 9, estará em Pequim para se encontrar com representantes do governo brasileiro e chinês a fim de tentar reverter as restrições.

 

Fonte: Abiec


Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: