Incêndios florestais são tema de palestras na conferência “Entendendo a Amazônia”

Compartilhar

Os incêndios florestais na região amazônica têm estado no centro do debate público nos últimos anos. Por isso, o assunto terá espaço em duas palestras na conferência “Entendendo a Amazônia”, que acontece entre os dias 19 e 22 de julho de 2021. No dia de abertura, Ana Alencar abordará o histórico e a prevenção às 10h30, e Jacqui Fatka mostrará a perspectiva dos Estados Unidos acerca do problema e dos desafios climáticos mundiais às 14h45.

Ana Alencar é diretora de ciência do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (IPAM). Geógrafa, ela é mestre em sensoriamento remoto e sistemas de informação geográfica pela Universidade de Boston e possui doutoramento em conservação de recursos naturais pela Universidade da Flórida – período durante o qual foi bolsista da NASA. Há 26 anos participa de estudos de mapeamento da dinâmica do fogo, do desmatamento e da degradação florestal.

Por sua vez, Jacqui Fatka é editora de política da Farm Progress Companies, dos Estados Unidos. Formada em jornalismo pela Universidade de Iowa, ela tem atuado como secretária-tesoureira da North American Agricultural Journalists, entidade que reúne profissionais de comunicação dedicados à cobertura agrícola no país. Com ampla experiência no setor, Jacqui Fatka possui mais de 15 anos de carreira na imprensa.

“Será uma honra contar com a experiência de Ana Alencar e Jacqui Fatka em nosso evento, que é destinado a todos os públicos no Brasil e no exterior. Tudo isso sem conotação política. Queremos informar corretamente a sociedade em geral e buscar melhores caminhos para essa riqueza, integrando a preservação com a produção sustentável”, diz o doutor em engenharia agronômica Marco Ripoli, diretor da Agri-Rex, que organiza a conferência.

Com 28 palestras, a programação da conferência é completa e inclui temas como desenvolvimento sustentável; impacto do desmatamento nas mudanças climáticas globais e na produção global de alimentos; importância da atuação dos fundos internacionais na preservação do bioma amazônico; visão de futuro para a Amazônia, importância para a população global e o papel do agronegócio nesse contexto. Renomados convidados farão parte dos painéis.

A abertura da conferência será feita às 8:30h de 19 de julho, uma segunda-feira, com Xavier Boutaud, cofundador da Agri-Rex. Em seguida, ele passa a palavra ao ex-ministro da Agricultura Alysson Paolinelli, indicado para o Prêmio Nobel da Paz 2021. Às 9 horas, ele abordará a importância para o clima e produção de alimentos para o planeta. Confira a programação, os palestrantes e mais informações em http://www.entendendoaamazonia.com.br.


Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *