Turistas descobrem os vinhos do São Francisco

Compartilhar

Turistas descobrem a rota dos vinhos do São Francisco

 

Sol a pino durante ao menos 300 dias do ano, calor escaldante e chuvas que, entre janeiro e dezembro, podem ser contadas nos dedos de uma das mãos. Um cenário assim não costuma surgir na cabeça de quem pensa em conhecer uma região produtora de vinhos.

 

Morador do Recife (PE), o empresário Mário Timóteo, 53 anos, já tinha ouvido falar sobre a Vinicultura do vale do São Francisco, mas se surpreendeu com o que encontrou durante uma visita a uma das seis empresas produtoras da região, no município de Lagoa Grande (PE).

 

“Estou até emocionado. Isso mostra o que poderia ser o semiárido se houvesse mais visão política”, disse, em meio aos campos de cultivo, onde outros turistas como ele tinham a oportunidade de provar a fruta direto dos cachos. “Isso aqui vai ser em breve a Califórnia brasileira”.

 

Nos últimos anos, é cada vez maior o número de turistas que procuram a Rota do Vinho na região de Petrolina. Somente a fazenda Planaltino, sede da Vitivinícola Santa Maria (Vinibrasil), em Lagoa Grande, recebeu mais de 5 mil visitantes no ano passado.


A empresa, de propriedade do grupo português Global Wines/Dão Sul, destacou funcionários que atuam diretamente na produção para acompanhar grupos de visitantes em um tour que vai do plantio da uva ao engarrafamento dos seis rótulos produzidos ali, entre tintos, brancos e espumantes.

 

Vinícola diz que recebeu mais de 5 mil visitantes em 2012

O enoturismo na região combina a visita às fábricas com passeios de barco pelo rio São Francisco e amostras da culinária e do artesanato locais. O passeio, evidentemente, inclui visita às lojas oficiais, onde é possível degustar os produtos (alguns deles, premiados internacionalmente) e levar vinhos para casa.

 

“Além da venda direta, que é muito interessante, nos interessa, sobretudo, a formação de um público consumidor e sua fidelização. Ainda encontramos mais receptividade no exterior do que no mercado local”, diz o português Ricardo Henriques, enólogo da área de produção.

 

Com uma área de 200 hectares irrigados, a Santa Maria produziu um milhão de litros de vinho no ano passado. “Já provamos que é possível produzir vinhos de qualidade internacional nesta região. Nosso grande desafio é a logística.”

 

(Texto: Rodrigo Vargas / Foto: Marcelo Curia/Ed. Globo – de Lagoa Grande/PE)


Compartilhar

🚀 Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? ✅ 👉🏽 Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp ( clique aqui ), ( clique aqui ) ou Telegram Portal Agron ( clique aqui ), Telegram Pecuária ( clique aqui ) , Telegram Agricultura ( clique aqui ) e no nosso Twitter ( clique aqui ) . 🚜 🌱 Você também pode assinar nosso feed pelo Google Notícias ( clique aqui )

  • Se o artigo ou imagem foi publicado com base no conteúdo de outro site, e se houver algum problema em relação ao conteúdo ou imagem, direitos autorais por exemplo, por favor, deixe um comentário abaixo do artigo. Tentaremos resolver o mais rápido possível para proteger os direitos do autor. Muito obrigado!
  • Queremos apenas que os leitores acessem informações de forma mais rápida e fácil com outros conteúdos multilíngues, em vez de informações disponíveis apenas em um determinado idioma.
  • Sempre respeitamos os direitos autorais do conteúdo do autor e sempre incluímos o link original do artigo fonte. Caso o autor discorde, basta deixar o relato abaixo do artigo, o artigo e a imagem será editado ou apagado a pedido do autor. Muito obrigado! Atenciosamente!
  • If the article or image was published based on content from another site, and if there are any issues regarding the content or image, the copyright for example, please leave a comment below the article. We will try to resolve it as soon as possible to protect the copyright. Thank you very much!
  • We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.
  • We always respect the copyright of the content and image of the author and always include the original link of the source article. If the author disagrees, just leave the report below the article, the article and the image will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
error: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: