Alta do dólar atrasa vendas da soja

Compartilhar

Agricultores começaram a vender a safra do segundo semestre. Negócios estão bem mais lentos que de costume. No campo, os agricultores agem com um olho no milho e outro na soja que será plantada em setembro.

O costume em Mato Grosso é fechar contratos de venda antecipada do grão, mas este ano, o ritmo das comercializações está lento.

Segundo o Imea, Instituto Matogrossense de Economia Agropecuária, foram negociados até agora pouco mais de 20% da produção, estimada em quase 25,3 milhões de toneladas.

O volume vendido é bem menor do que o que já estava negociado no mesmo período do ano passado. Naquela época, faltando três meses para o início do plantio, os agricultores de Mato Grosso já tinham comercializado 46% da produção prevista.

Um dos motivos está no preço. As empresas estão querendo fechar negócios por R$ 42 a saca, R$ 7 a menos do que os agricultores conseguiram nos contratos do ano passado. Outro fator estaria no preço do frete, na hora da colheita.

Anuncio congado imagem

Diante deste cenário, o agricultor Laércio Lenz está cauteloso. Ele vai plantar 850 hectares de soja em Sorriso e ainda não vendeu nenhum grão da safra futura.

E se o momento é de incertezas, a orientação da Associação dos Produtores de Soja do estado é manter as contas na ponta do lápis, sem tirar o olho do que acontece no mercado. “O mercado futuro está atrativo, porém, devido às incertezas logísticas, o preço em real acaba não compensando. Para a safra que vem, o produtor tem que entender que os custos estão diferentes, que é preciso se planejar e aproveitar as oportunidades que aparecerem”, explica Marcelo Duarte, diretor-executivo da Aprosoja.

 

Fonte: Globo Rural


Compartilhar

🚀 Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? ✅ 👉🏽 Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp ( clique aqui ), ( clique aqui ) ou Telegram Portal Agron ( clique aqui ), Telegram Pecuária ( clique aqui ) , Telegram Agricultura ( clique aqui ) e no nosso Twitter ( clique aqui ) . 🚜 🌱 Você também pode assinar nosso feed pelo Google Notícias ( clique aqui )

  • Se o artigo ou imagem foi publicado com base no conteúdo de outro site, e se houver algum problema em relação ao conteúdo ou imagem, direitos autorais por exemplo, por favor, deixe um comentário abaixo do artigo. Tentaremos resolver o mais rápido possível para proteger os direitos do autor. Muito obrigado!
  • Queremos apenas que os leitores acessem informações de forma mais rápida e fácil com outros conteúdos multilíngues, em vez de informações disponíveis apenas em um determinado idioma.
  • Sempre respeitamos os direitos autorais do conteúdo do autor e sempre incluímos o link original do artigo fonte. Caso o autor discorde, basta deixar o relato abaixo do artigo, o artigo e a imagem será editado ou apagado a pedido do autor. Muito obrigado! Atenciosamente!
  • If the article or image was published based on content from another site, and if there are any issues regarding the content or image, the copyright for example, please leave a comment below the article. We will try to resolve it as soon as possible to protect the copyright. Thank you very much!
  • We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.
  • We always respect the copyright of the content and image of the author and always include the original link of the source article. If the author disagrees, just leave the report below the article, the article and the image will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
error: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: