O fim da praga da laranja está mais perto

Compartilhar

Geneticistas brasileiros e americanos mapearam o DNA de duas bactérias causadoras do cancro cítrico dos tipos B e C. A doença devasta laranjais no Brasil e nos EUA, os maiores produtores do mundo. "Não há cura para o cancro", diz um dos líderes da pesquisa, Leandro Moreira. "As árvores infectadas precisam ser cortadas." Publicado na revista BMC Genomics, o estudo comparou o DNA das bactérias, do gênero Xanthomonas, ao da causadora do cancro tipo A, cujo DNA já fora mapeado em 2002. A descoberta deve ajudar a entender melhor como a doença se desenvolve.


Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: