Estados Unidos elevam estimativa para a safra de soja

Compartilhar

Departamento de Agricultura do país (Usda) indica produção de 107,9 milhões de toneladas, 590 mil toneladas acima do projetado em agosto.

A produção de soja nos Estados Unidos deve alcançar 107,09 milhões de toneladas, conforme nova projeção divulgada nesta sexta-feira (11/9) pelo USDA, o departamento de Agricultura do país. A estimativa está 590 mil toneladas acima do número indicado no mês passado, quando o órgão acreditava que a colheita seria de 106,5 milhões de toneladas.  Analistas de mercado esperavam uma redução sobre a estimativa de agosto.

O aumento ocorreu por um ligeiro ajuste na produtividade média das lavouras, que agora está calculada em 52,8 sacas por hectare. No mês passado, o rendimento era estimado em 52,5 sacas por hectare.

Se a projeção atual for confirmada, o volume ainda será inferior ao alcançado na temporada passada, quando os produtores norte-americanos praticamente não tiveram problemas sérios com as lavouras e a colheita ficou acima de 108 milhões de toneladas.

Os novos números pressionaram o mercado internacional da soja. As cotações da soja chegaram a registrar queda de mais de 1% no pregão da Bolsa de Chicago, após a divulgação da estimativa. Os principais contratos são negociados na faixa de US$ 8,65 por bushel a US$ 8,75 por bushel.

Mundo

Apesar do aumento promovido na expectativa de colheita da soja, o Usda reduziu a previsão de oferta total do grão no mundo. O número atual aponta para uma safra global de 319,6 milhões de hectares, contra 320,05 milhões de toneladas estimadas em agosto. As projeções de colheita para os maiores players foram mantidas. O Brasil deve retirar dos campos 97 milhões de toneladas; a Argentina, 57 milhões de toneladas; e o Paraguai, 8,8 milhões de toneladas.

Fonte: Globo Rural. Por: CASSIANO RIBEIRO.


Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *