Pão celeste e pedido de desculpas em ketchup: Grêmio

Compartilhar

Pão celeste e pedido de desculpas em ketchup: as atrações da hamburgueria do Grêmio

Segunda loja da “Hamburgueria 1903” foi aberta em shopping de Porto Alegre

O time gremista está em férias, mas isso não significa que os torcedores estejam sem atrações para o período de recesso. Foi inaugurada, na quarta-feira, a segunda loja da “Hamburgueria 1903”, com quase 20 opções de sanduíches capazes de agradar o paladar do mais fanático tricolor. Localizada no Shopping Praia de Belas, oferece atrações em especial: o hambúrguer Celeste e um pedido de desculpas no ketchup.

O pão azul, é claro, é aprovado. Mas o condimento da cor vermelha é motivo de desagrado, pois remete ao maior rival, o Inter. Por isso, os proprietários decidiram colar uma mensagem na embalagem:

— Desculpem a nossa falha. Não foi possível mudar a cor. Por enquanto… — brincam, com bom humor.

O pão de tom celeste chega pronto da padaria, já colorido. Ele é assado como os comuns: mesma farinha, ingredientes idênticos. O diferencial está no último toque, quando é colocado um corante natural. — Fica como se fosse uma “casquinha”. Por dentro, ele é branco, normal. Por fora, é azul — conta Roberto Quaresma, gerente de operações da Sportfood, empresa que gerencia a rede de fast food oficial do clube.

Na cozinha da hamburgueria, o pão vai para o “toaster” para ficar aquecido. Depois, são colocados os outros ingredientes: molho barbecue, 160 gramas de carne, alface, cebola roxa, pepino em conserva e lascas de bacon. A receita é aprovada pelos tricolores.

— Muito bom. O pão é diferente, e eu tinha a curiosidade de ver se o azul deixa algum gosto. Mas não deixa, não — elogia a professora Cláudia Dondoni, 59 anos, cliente do primeiro dia de funcionamento da loja.

Quem também optou pelo azul foi o pequeno Miguel Sortica, de nove anos. Para ele, na versão sub-12, com o sanduíche adaptado para o paladar infantil. Perguntado sobre a aprovação ao lanche, Miguel apenas assentiu com a cabeça — sem tempo para parar de comer.

O Celeste, é verdade, não é o mais vendido. São comercializadas cerca de 40 unidades por dia, em números baseados na primeira loja, localizada no Centro da Capital. O campeão é o sanduíche Mundial, com 85 unidades vendidas diariamente.

A rede de fast food planeja ampliar o negócio. Estão previstas outras seis lojas até o término de 2016. Uma delas, inclusive, será aberta em São Paulo. Na Arena, a hamburgueria está em fase de construção e deve entrar em funcionamento ainda nos primeiros jogos pelo Campeonato Gaúcho.

Fonte: ZH Esportes, por Paula Menezes

Fonte Imagem: Marcelo Carôllo

 


Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: