Com edição presencial, CNMA 2022 promete um grande encontro entre as mulheres que movem o agronegócio na América Latina

Compartilhar

7ª edição será realizada nos dias 26 e 27 de outubro, presencialmente, em São Paulo (SP)

A 7ª edição do Congresso Nacional das Mulheres do Agro – CNMA volta a ser palco do maior encontro entre as mulheres do setor nos dias 26 e 27 de outubro, no Transamerica Expo Center, em São Paulo. Com o tema “Coordenação das cadeias produtivas no agronegócio, a década decisiva!”, o evento desse ano tem como objetivo atingir um novo patamar, estendendo seus debates para a América Latina.

Com uma edição 100% presencial, o evento pretende promover a reunião das mulheres do agro, após dois anos em formato online. “Como não tivemos esse momento de reunião nas duas últimas edições, estamos preparando para esse ano um Congresso ainda mais especial, com temas de relevância para o atual cenário da mulher do setor, que hoje já assumiu seu papel de protagonista e busca cada vez mais capacitação, para assumir o papel de liderança e de decisão dentro e fora da porteira”, declara a Show Manager do evento Carolina Gama.

Segundo ela, o tema da edição desse ano busca promover a integração entre todas as cadeias do agronegócio, desde a pesquisadora até a produtora rural, destacando a importância e o papel do setor no processo de alimentar o mundo, mas trazendo para esse debate as percepções de consumidores finais, destacando as necessidades e exigências do mercado consumidor, como grande incentivadoras da evolução do agro.

“O agronegócio é o resultado da demanda derivada dos consumidores e nesse sentido, temos como ponto importante no debate a origem dos alimentos, que passa a ter um valor cada vez maior nas decisões de consumo, por meio da rastreabilidade. Com isso, unir os elos da cadeia para discutir e pensar uma produção cada vez mais eficiente e sustentável é uma forma de promover o crescimento do setor e garantir qualidade do alimento oferecido ao mundo”, ressalta Carolina.

Com esse olhar, o CNMA 2022 pretende trazer para os seus painéis players do setor, que promovam esses debates e incentivem o setor a repensar e adequar seus processos, para um resultado mais lucrativo e sustentável.

Embaixadoras pelo Brasil

Para reforçar a divulgação do evento e alcançar mais mulheres por todo o país, o CNMA conta com uma novidade na edição desse ano: a nomeação de cinco embaixadoras, que representarão as regiões do Brasil.

“A escolha das embaixadoras foi pensada tendo em vista a sua atuação junto às mulheres do setor e ao trabalho que desenvolvem em prol do agronegócio brasileiro, por meio das suas atividades diárias no campo. Elas não só são mulheres do agro, mas também pessoas inspiradoras!”, comenta a show manager do evento, Carolina Gama.

São elas: Ani Heinrich Sanders, agricultora e pecuarista, pelo Nordeste (@anisanders58); Chris Morais, presidente da Câmara Setorial da Pecuária na Secretaria da Agricultura São Paulo, integrante Conselho do AGRO ACSP e produtora rural, pelo Sudeste (@megachrismorais); Edineia Becker, a produtora rural, pecuarista e membro do grupo “Mulheres Essência do Agro”, representando o Sul (@edineiabecker); Renata Cardoso Salatini, produtora rural, coach e palestrante, pelo Norte (@renatasalatini) e Sônia Bonato, agropecuarista, diretora da APROSOJA – GO e membro-fundadora da Liga do Agro, representando o Centro-Oeste (@soniabonato.agro).

“Essas mulheres serão nossas representantes em todos os cantos do país, reforçando a mensagem do CNMA e ampliando a abrangência do nosso convite para a grande reunião anual das protagonistas do agro, em outubro”, finaliza Carolina.

As inscrições para a 7ª edição do Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio estarão abertas a partir de amanhã, 10/03, com o primeiro lote promocional em homenagem ao mês das mulheres. Acesse o site https://www.mulheresdoagro.com.br/.


Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: