Nelore Terra Boa prepara oferta de 107 animais avaliados pelos principais programas de melhoramento do país

Compartilhar

A fazenda Terra Boa selecionou para venda 10 matrizes e 70 touros Nelore PO, além de 27 touros Brangus – todos com alta qualidade genética. A oferta será realizada no dia 3 de julho, a partir das 13 horas (horário de Brasília), durante o Leilão Touros Terra Boa, que acontece na cidade de Guararapes (SP).

Os animais foram avaliados pela Embrapa GenePlus, pela Associação Nacional de Criadores e Pesquisadores (ANCP) e pelo Programa de Melhoramento Genético de Zebuínos (PMGZ), da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ).

 “Esta é a 16ª edição do Leilão Touros Terra Boa. Um leilão baseado em gado com boa apartação e boa avaliação. Tradicionalmente, realizamos as ofertas dos melhores animais do plantel Terra Boa no primeiro domingo de julho, e, desta vez não será diferente”, destaca José Luiz Niemeyer dos Santos, proprietário da Terra Boa.

A Fazenda Terra Boa seleciona animais Nelore desde 1965 e se orgulha de ser pioneira na utilização da técnica de Inseminação Artificial, em 1972. O criatório também foi um dos primeiros a ingressar no Programa de Melhoramento Genético da Raça Nelore (PMGRN), da Associação Nacional de Criadores e Pesquisadores (ANCP), em 1992, quando o programa tinha apenas quatro anos de existência. Além disso, a propriedade foi campeã do Prêmio Fazenda Sustentável, iniciativa da Revista Globo Rural, em 2014.

O Canal Rural irá transmitir o evento, que possui assessoria de Guto e Duetto. Chancelado pela Associação dos Criadores de Nelore do Brasil (ACNB), o leilão terá como leiloeiras responsáveis a Central e Agreste Leilões.

Mais informações pelos telefones (18) 3608-0999, (18) 3606-1132 e (11) 99641-1770 ou pelos e-mails fazterraboa@uol.com.br e terraboa@uol.com.br.

Leilões oficiais

Os criadores que oficializam seus leilões na ACNB demonstram visão e comprometimento, colaborando para o fortalecimento e a valorização da raça Nelore e de seu próprio negócio. Com a oficialização, o promotor contribui com o valor equivalente a 1 salário mínimo para a ACNB e, em contrapartida, tem o seu leilão divulgado para todos os associados e a rede de relacionamentos da entidade, fortalecendo sua comunicação e ampliando o alcance a potenciais investidores. Os recursos arrecadados com a oficialização de leilões são integralmente aplicados pela ACNB e pelas Associações Regionais do Nelore conveniadas em ações de promoção da genética e da carne Nelore.


Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: