safra

Produtor gastará mais para financiar nova safra

Compartilhar

Produtor gastará mais para financiar nova safra, alerta Faesp. Custos agrícolas em ascensão e juros altos elevam despesas.

Veja também: Contratações do crédito rural do Plano Safra 2021/2022

O PLN 1/22, que liberou R$ 868,5 milhões em crédito suplementar para recompor o Plano Safra 2021/22, parado desde fevereiro por falta de recursos, é de extrema importância para a retomada dos empréstimos das linhas oficiais de crédito com juros subvencionados, no âmbito do Pronaf e demais programas.

Neste momento, em que os custos estão em alta e os produtores estão tendo que desembolsar mais para financiar a mesma área em relação ao ano passado, o acesso aos recursos do crédito rural oficial, que tem um custo financeiro menor, é muito mais vantajoso para os produtores e, por isso, enfatizamos que essa retomada das contratações das linhas equalizadas do crédito rural é um sinal positivo para a agropecuária. A avaliação é do Presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo e do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Sistema FAESP/SENAR-SP).

O gerente do Departamento Econômico da FAESP, Cláudio Brisolara, explica que o governo federal, já no final de janeiro, teve que suspender as operações de crédito do atual Plano Safra, pois todo o recurso disponível para subvencionar os juros, ou seja, pagar a diferença entre as taxas do banco e os juros pagos efetivamente pelos produtores, se exauriu rapidamente. “Os custos de produção aumentaram e com os produtores precisando gastar mais para custear a mesma área da lavoura, acabaram consumindo mais recursos do Plano Safra, que acabaram antes do previsto. A elevação muito forte da SELIC e da inflação também impactaram no custo da equalização, demandando necessidade da suplementação de recursos”.

Brisolara salientou que, enquanto no crédito rural oficial as taxas de juros ficam entre 3,5% e 4,5% no Pronaf, em torno de 5,5% no Pronamp e de 7,5% para os grandes produtores, no mercado financeiro, sem a subvenção, os bancos operam empréstimos com juros na faixa de 16% a 20%.

“O projeto trata de R$ 868,5 milhões, e com essa aprovação, serão destravados empréstimos entre R$ 18 bilhões a R$ 20 bilhões. Ainda temos mais dois meses de Plano Safra 2021/2022 e, portanto, a medida é fundamental para fortalecer nossa política agrícola e que os produtores tenham acesso a esses recursos para continuarem plantando, o que esperamos se concretize com a sanção presidencial ao texto aprovado do PLN 1/22”, ressaltou o Presidente da FAESP.

Fonte: Datagro. Imagem principal: Depositphotos.

*Se o artigo ou imagem foi publicado com base no conteúdo de outro site, e se houver algum problema em relação ao conteúdo ou imagem, direitos autorais por exemplo, por favor, deixe um comentário abaixo do artigo. Tentaremos resolver o mais rápido possível para proteger os direitos do autor. Muito obrigado!

*Queremos apenas que os leitores acessem informações de forma mais rápida e fácil com outros conteúdos multilíngues, em vez de informações disponíveis apenas em um determinado idioma.

*Sempre respeitamos os direitos autorais do conteúdo do autor e sempre incluímos o link original do artigo fonte. Caso o autor discorde, basta deixar o relato abaixo do artigo, o artigo e a imagem será editado ou apagado a pedido do autor. Muito obrigado! Atenciosamente!

*If the article or image was published based on content from another site, and if there are any issues regarding the content or image, the copyright for example, please leave a comment below the article. We will try to resolve it as soon as possible to protect the copyright. Thank you very much!

*We just want readers to access information more quickly and easily with other multilingual content, instead of information only available in a certain language.

*We always respect the copyright of the content and image of the author and always include the original link of the source article. If the author disagrees, just leave the report below the article, the article and the image will be edited or deleted at the request of the author. Thanks very much! Best regards!


Compartilhar

One thought on “Produtor gastará mais para financiar nova safra

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: