Acordo para esclarecer mitos relacionados à pecuária

Compartilhar

GTPS e CiCarne/Embrapa fecham parceria para esclarecer mitos relacionados à pecuária.

Objetivo da iniciativa será o de gerar e disseminar conteúdo científico, que mostre a realidade do setor.

O Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável (GTPS) e o Centro de Inteligência da Carne Bovina da Embrapa Gado de Corte (CiCarne) deram início a uma parceria institucional, com a proposta de desmistificar a produção da pecuária brasileira e o consumo da carne bovina. Por meio de informações com base científica geradas pelo CiCarne e da expertise do GTPS em iniciativas relacionadas à produção sustentável na pecuária, a parceria pretende fornecer conteúdo pautado num arcabouço de conhecimentos e ferramentas de comunicação que deem conta de promover a cadeia e servir de suporte para as tomadas de decisão dos stakeholders. Além de incentivar o desenvolvimento sustentável da pecuária brasileira sob os aspectos ambientais, sociais e econômicos.

“Faz todo sentido trabalhar de forma conjunta com o CiCarne, um importante centro de inteligência que colabora de forma significativa com nosso segmento. A Embrapa já é parceira do GTPS em outras iniciativas e era bastante natural que o CiCarne também estivesse mais próximo da gente. São duas organizações com missões complementares e um objetivo em comum, contribuir com o desenvolvimento sustentável da pecuária brasileira e a comunicação do setor”, comenta a gerente executiva do GTPS, Luiza Bruscato.

Mitos e fatos, pautas positivas que reforçam a imagem de uma atividade moderna, transparente e comprometida com a sustentabilidade, mostrando tendências e inovações, estão entre os assuntos tratados pela parceria institucional, que deve atuar prioritariamente nas redes sociais: Instagram, Facebook, Twitter e LinkedIn. Afinal, a comunicação está no centro deste processo de desmistificação, como fator estratégico, para melhoria e proteção da imagem do setor.

Segundo o coordenador do CiCarne, Guilherme Cunha Malafaia, a sustentabilidade nos processos produtivos da pecuária é um tema cada vez mais presente e necessário. “Hoje, o CiCarne dispõe de informações e dados técnicos relevantes que são organizados justamente para trazer melhorias à cadeia da pecuária brasileira, e as práticas sustentáveis estão entre estes quesitos prioritários. Quando falamos em adoção de novas tecnologias ou novos processos estamos falando impreterivelmente de sustentabilidade”, finaliza Malafaia.

FONTE: DATAGRO.


Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *