Fiber Day Conference Brazil 2021: informações de alto nível para a produção suinícola brasileira

Compartilhar

A edição foi realizada de forma virtual e contou com a palestra do Prof. Bruno Silva da UFMG

Nos dias 21 e 22 de julho a Feedis, empresa especializada em soluções inovadoras para nutrição animal, realizou a terceira edição do seu tradicional encontro anual, o Fiber Day Conference Brazil 2021, evento realizado de forma online por conta da pandemia. “Mais um ano realizamos este evento, desta vez no formato digital. Um encontro para atualização dos nossos clientes sobre o uso de fibras funcionais, trazendo os resultados das últimas pesquisas conduzidas com o uso da lignocelulose de 2ª geração e o impacto positivo sobre o desempenho de matrizes de granjas suinícolas de alta produtividade”, salienta o Diretor Geral da Feedis, Fernando Toledano.

O evento foi organizado pela Feedis de forma online, restrito para grupos de clientes específicos, objetivando maior interação entre os participantes, e contou com a presença de grandes cooperativas dos estados do Paraná e Santa Catarina. “O objetivo foi compartilhar conhecimento, trazendo informações importantes sobre o efeito fisiológico, índice glicêmico, comportamento (bem-estar animal) e produtividade no uso das fibras funcionais de 2ª geração”, cita Silvano Bünzen.

O primeiro a se apresentar foi Prof. Dr. Bruno Silva da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG, Belo Horizonte/MG) abordando o “Comportamento e nutrição de fêmeas de alta produtividade: uso de fibras funcionais para potencializar o desempenho”. Sua apresentação foi sustentada em uma pesquisa concluída recentemente em uma importante cooperativa sediada em Rio Verde (GO) e sustenta tese de mestrado e doutorado.

“Percebemos nesta pesquisa que o uso de fibras funcionais atua modulando a mucosa gastrointestinal que, por sua vez, favorece uma população mais uniforme de bactérias benéficas fermentativas, melhorando a eficiência de digestão proteica e reduzindo a produção de toxinas, o que favorece a resposta imunológica das matrizes e leitões”, ressaltou Bruno Silva, que destacou ainda os pontos importantes da pesquisa em torno do comportamento: “O uso das fibras funcionais regula o pico de insulina após a refeição, gera saciedade/satisfação, ajuda a regular o comportamento alimentar, reduz riscos de torção intestinal, previne a constipação e ainda reduz disputas ou lutas sociais”.

Na sequência foi do Gerente Técnico da Feedis, trouxe o tema: “Opticell: fibras funcionas, o que temos de diferente entre as tecnologias?”. “Abordamos para os participantes os atributos do Opticell, pois é um produto desenvolvido para alimentação animal a partir de frações específicas de madeira fresca, possui alta concentração de celulose e lignina, combinando de forma sinérgica fibras insolúveis e frações fermentáveis, além de seu padrão único de moagem – de 50 a 120 micras -, ou seja, levando para os nossos clientes um produto muito padronizado”, destacou.

Ao final das apresentações do Fiber Day os palestrantes participaram de uma rodada de discussão, onde puderam responder a perguntas enviadas via chat. “Foi uma sessão de perguntas e respostas de alto nível. Quero deixar aqui o nosso agradecimento a todos participantes por prestigiarem este evento cuja proposta é atualizar nossos clientes com que há de novo em soluções nutricionais para produção animal”, destaca o Gerente Comercial da Feedis, Luciano Heis.


Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *