Negociações do milho

Negociações do milho devem ficar lentas no Brasil

Compartilhar

Limitação de oferta deve manter negociações do milho lentos no Brasil.

Agron Home

Veja também: Alerta sobre apodrecimento de grãos e vagens de soja

As negociações do milho no mercado brasileiro manteve preços firmes novamente nesta quarta-feira. As cotações seguem sustentadas pela oferta limitada. E segue grande a preocupação com a quebra na safra de verão por conta do clima seco.

No Porto de Santos, o preço ficou entre R$ 86,00 a R$ 95,00 a saca (CIF). Já no Porto de Paranaguá, cotação entre R$ 84,00/96,00.

No Paraná, a cotação ficou em R$ 96,00/99,00 a saca em Cascavel. Em São Paulo, preço de R$ 98,00/100,00 na Mogiana. Em Campinas CIF, preço de R$ 100,00/102,00 a saca.

No Rio Grande do Sul, preço ficou em R$ 100,00/105,00 a saca em Erechim. Em Minas Gerais, preço em R$ 92,00/95,00 a saca em Uberlândia. Em Goiás, preço esteve em R$ 88,00/R$ 90,00 a saca em Rio Verde – CIF. No Mato Grosso, preço ficou a R$ 80,00/85,00 a saca em Rondonópolis.

Chicago

Os contratos com vencimento em março registram baixa de 2,50 centavos, ou 0,40%, a US$ 6,08 por bushel.

O mercado realiza parte dos lucros acumulados ontem, quando subiu quase 2%. A baixa nos preços do petróleo também influencia negativamente.

Ontem (19), os contratos de milho com entrega em março fecharam a US$ 6,10 1/2 por bushel, ganho de 11,00 centavos de dólar, ou 1,83%, em relação ao fechamento anterior.

Câmbio

O dólar comercial registra baixa de 0,36% a R$ 5,445. O Dollar Index registra ganho de 0,10% a 95,60 pontos.

Indicadores financeiros

As principais bolsas da Ásia encerraram mistas. Xangai, -0,09%. Tóquio, +1,11%.

As principais bolsas na Europa registram índices em baixa. Paris, -0,51%. Londres, -0,05%.

O petróleo opera em baixa. Fevereiro do WTI em NY: US$ 86,76 o barril (-0,22%).

Fonte: Agência SAFRAS.


Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: