Preço do arroz fica abaixo do custo de produção

Preço do arroz fica abaixo do custo de produção

Compartilhar

Preço do arroz recua e fica abaixo do custo médio de produção.

Agron Home

Veja também: Uso de defensivos agrícolas, você é a favor ou contra?

A desvalorização do dólar em relação ao real segue exercendo pressão sobre o preço do arroz no Brasil. Nesta quinta-feira, dia 24, a indicação média no Rio Grande do Sul para a saca de 50 quilos do grão em casca ficou em R$ 69,40, com queda de 0,79% em relação ao fechamento anterior. Comparado ao mesmo período do mês e do ano passado, acumulava queda de 15,67% e alta de 11,80%, respectivamente.

Segundo o analista de SAFRAS & Mercado, Gabriel Viana, as cotações domésticas seguem buscando um ponto de suporte pelas paridades. “Atualmente, o produto gaúcho está abaixo do norte-americano, o que pode gerar oportunidades de vendas externas”, explica. “Por outro lado, os parceiros do Mercosul vêm ganhando competitividade no Brasil, em especial para produto beneficiado”, pondera.

Considerando o custo médio da produção no Rio Grande do Sul calculado pelo IRGA (R$ 72,73/saca), pela primeira vez desde o mês de junho de 2020 a margem (preços/custo total) do produtor é negativa (-4,6%). “Vale lembrar ainda que, em meados de outubro de 2020, esta margem chegou a ser positiva em mais de 63%”, frisa o analista.

A produção de arroz em casca do Brasil foi estimada em 11,5 milhões de toneladas no ano comercial 2021/2022, ante 11,625 milhões do ano anterior. Tal volume representa 7,820 milhões de toneladas de arroz beneficiado, ante 7,905 milhões no ano anterior. As informações são do Gain Report, do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA).

A área semeada foi prevista em 1,750 milhão de hectares para 2021/22, ante 1,684 milhão no ano anterior. As exportações para 2021/22 foram estimadas em 900 mil toneladas beneficiadas, ante 950 mil no ano comercial anterior. As importações foram projetadas em 800 mil toneladas beneficiadas em 2021/22, mesmo patamar do comercial anterior.

Fonte: Agência SAFRAS.


Compartilhar

One thought on “Preço do arroz fica abaixo do custo de produção

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *