Eficácia do aditivo Magni-Phi é tema de artigo científico publicado no Poultry Science Journal

Compartilhar

A eficácia de Magni-Phi, a solução natural da Phibro Saúde Animal para a integridade intestinal das aves, é mais uma vez comprovada cientificamente. O aditivo foi destacado no artigo “Uso simultâneo de saponinas e vacinas vivas contra coccidiose: a influência de uma combinação de Quillaja e Yucca nos efeitos anticoccidianos e no desempenho de frangos vacinados para coccidiose”, da renomada publicação norte-americana Poultry Science Journal.

“Os extratos naturais de saponinas extraídas da Quillaja e Yucca, presentes na composição de Magni-Phi, são conhecidos pela eficácia da promoção da integridade intestinal das aves. Os autores do artigo publicado pelo Poultry Science Journal reforçam sua importância para o combate da coccidiose, uma das mais importantes doenças das aves, responsável por mais de US$ 13 bilhões em prejuízos à avicultura industrial no mundo”, explica Daniel Antoniol Miranda, gerente de aditivos nutricionais da Phibro Saúde Animal.

O extrato de Quillaja apresenta uma ação direta na melhoria do desempenho zootécnico, atuando sobre a microbiota intestinal, aumentando a permeabilidade das células da mucosa intestinal e a taxa de absorção dos nutrientes. Já o extrato de Yucca, além de contribuir para a melhoraria do desempenho zootécnico, tem propriedades antioxidantes, atua sobre o metabolismo do nitrogênio e reduz a produção de amônia. Ambos foram abordados na publicação, editada pelo Poultry Science Journal.

De acordo com o trabalho científico, a referida combinação de extratos naturais “reduziu a produção de oocistos aos 14 e 21 dias sem afetar o nível de imunidade para coccidiose fornecida pela vacina”. Os pesquisadores responsáveis pelos experimentos acreditam que a redução da produção de oocistos pode ser um dos fatores responsáveis pela melhoria da conversão alimentar nos dias 28 e 42 do experimento, quando, independentemente da vacina, os frangos alimentados com QY [Quillaja e Yucca] demonstraram estatisticamente melhor conversão alimentar”.

“Quando analisados em conjunto, esses dados mostram que, independentemente do tipo de vacina de coccidiose empregada nos experimentos (atenuada, virulenta ou uma mistura), os extratos de Quillaja e Yucca reduziram a produção de oocistos e melhoraram a conversão alimentar, mantendo os níveis de proteção para a coccidiose em níveis adequados”, pontua o estudo, que também salienta que “reduções significativas na mortalidade total também foram registradas”.

Daniel Antoniol Miranda ressalta que “quando falamos de saúde intestinal nos referimos a uma resposta inter-relacionada de vários parâmetros, como a modulação da microbiota intestinal, controle de patógenos, atuação sobre a metabolizabilidade dos nutrientes e a morfologia intestinal”. E complementa: “Magni-Phi apresenta benefícios comprovados cientificamente sobre os parâmetros mencionados, favorecendo a integridade intestinal, refletindo então, em maior produtividade, o que proporciona à avicultura resultados econômicos superiores”.

Devido à sua composição totalmente natural e aos seus benefícios, Magni-Phi possui diversas certificações internacionais de qualidade, como GMP+ e ISO 9001, e de produto natural utilizado na produção orgânica, certificação internacional OMRI (Organic Material Review Institute), Organic CDFA (California Department of Food and Agriculture) e Oregon Tilth Certified Organic), estas nos Estados Unidos.

Para conferir na íntegra o artigo, em inglês, acesse: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0032579120309561

Sobre a Phibro

A Phibro Saúde Animal é uma das mais importantes indústrias veterinárias e de nutrição animal do mundo. Criada em 1916, nos Estados Unidos, está presente no Brasil há 25 anos, oferecendo produtos para aves, suínos, bovinos de corte e de leite, peixes e camarões, além oferecer soluções para a produção de fontes energéticas renováveis. Para mais informações, acesse: www.pahc.com/brasil


Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *